Alagoas, Segunda, 22 de Jul de 2019
  • Enviar e-mail
  • Facebook

Mais voos internacionais: confira os planos do grupo que assumirá este ano aeroporto de Maceió

Publicado em 21 de Março de 2019

Se depender da Aena Dessarrollo Internacional, braço do grupo espanhol Aena que adquiriu os seis aeroportos do Bloco Nordeste na sexta-feira passada (15), haverá mais concorrência de voos internacionais nos terminais da região no próximo ano.

Em declaração ao portal NE10, Juan Jose Álvares Gallego, gerente da concessionária que pagou R$1,9 bilhão pela gestão dos aeroportos, prometeu lutar para atrair novas companhias aéreas e voos para os terminais da região Nordeste.

“Trabalharemos para garantir que esses aeroportos operem com novas companhias aéreas e para que haja mais destinos e frequências”, disse o gerente da Aena ao blog do grupo Jornal do Commercio, afirmando que espera trabalhar em colaboração não apenas com o Governo Federal, mas “especialmente com os governos estaduais”.

Em nota divulgada logo após o leilão, a empresa já havia confirmado que a operação é o maior investimento já feito pela Aena fora da Espanha com o objetivo de consolidar a presença internacional do grupo que já tem presença na Inglaterra, México, Jamaica e Colombia.

Ainda de acordo com o grupo, a aquisição ampliará a rede de conexões para América Latina dos aeroportos da empresa em Madri e Barcelona, assim como permitirá novas sinergias com os aeroportos do grupo nos países da América Latina, como Colômbia, Jamaica e México.

A empresa também informou que os trâmites administrativos para a formalização da concessão devem se prolongar até o mês de agosto e que a empresa deve iniciar sua gestão sobre os aeroportos do Nordeste, incluindo o Zumbi dos Palmares, no último trimestre de 2018.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved