Alagoas, Quinta, 15 de Novembro de 2018
  • Enviar e-mail
  • Facebook

Primeira marca alagoana de maquiagem natural chega ao mercado com mais de R$ 1 mi em investimentos

Publicado em 07 de Novembro de 2018

Tudo começou com uma reação alérgica.

Quando descobriu, há mais de dois anos, que não podia usar a maioria das marcas de maquiagem com produtos sintéticos disponíveis do mercado, a arquiteta alagoana Letícia Costa decidiu pesquisar mais sobre a produção de cosméticos naturais no Brasil e no exterior – onde encontrou marcas de alta qualidade em países como Alemanha e Itália.

E foi exatamente ao conhecer o braço de uma fábrica de cosméticos italiana localizada em Santa Catarina que a empresária decidiu criar a primeira marca alagoana de cosméticos naturais e veganos (isentos de produtos sintéticos e não testados em animais). Com base em fórmulas desenvolvidas em conjunto por ela e pelos fabricantes, a marca aposta em produtos naturais mais adequados às necessidades das consumidoras da região norte-nordeste - cujo calor e exposição ao sol são desafios extras aos cosméticos que não usam química para fixação.

Nesta quarta, a Let Natural Cosmetics (veja site aqui) lança oficialmente sua primeira linha de maquiagem com cerca de 17 itens de produtos como máscaras para cílios, base, corretivo, primer, e batom de cores variadas “100% naturais, orgânicos, veganos e cruelty-free (selo de garantia de que o produto não envolve maus-tratos em animais)”.

“Apesar de nossa estratégia comercial ser centrada no comércio eletrônico com foco inicial nos Estados da região Norte e Nordeste, temos como missão futura projetar a primeira marca de cosméticos naturais alagoana para todo o país”, diz a fundadora e sócia da marca, Letícia Costa. Ela explica também que, apesar da empresa não ter como estratégia inicial ponto de venda físico, a marca conta com um showroom anexo ao escritório da empresa em Maceió, na Jatiúca (no centro empresarial Le Monde), para os consumidores que quiserem conhecer, testar ou adquirir diretamente os produtos.

De acordo com o engenheiro civil Victor Costa, sócio e irmão da fundadora da marca, responsável pela área administrativa, já foram investidos mais de R$ 1 milhão na estruturação da nova empresa. “A estruturação de uma marca 100% natural de cosméticos exige o monitoramento de toda a cadeia para contarmos com insumos e fornecedores que operam de acordo com o padrão e exigências desse segmento de mercado”, diz o empresário.

Diferentemente da maioria das marcas de cosméticos naturais do país, cuja identidade visual apela, em geral, para temas ecológicos, a nova marca, construída em conjunto com agência de publicidade Duck, aposta em um posicionamento mais moderno e próximo das marcas premium do mercado. “Nosso objetivo é tentar mostrar que nossos produtos devem ser consumidos não apenas por seus atributos naturais e éticos, mas pela qualidade do cosmético em si”, aposta Letícia.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved