Vandalismo? Veja explicação da CBTU para apagar grafites de “Os Gêmeos” no VLT de Maceió

Publicado em 13 de Fevereiro de 2017

Desde que o colunista Felipe Camelo publicou uma nota confirmando que o grafite dos irmãos paulistanos Gustavo e Otávio Pandolfo, conhecido como “Os Gêmeos”, estavam sendo apagados dos vagões do VLT da Companhia Brasileira de Trens Urbanos de Maceió (CBTU), a reação nas redes sociais foi imediata.

Qual o motivo, afinal, da sobrepintura da CBTU em apenas um ano e meio na obra de artistas considerados referências no grafite urbana mundial?

De acordo com a CBTU, a explicação está no vandalismo.

“Quase todos os dias, ao menos uma janela dos vagões é quebrada e outras partes da composição apedrejada”, disse o assessor de comunicação da CBTU, Gabriel Mousinho. “Como a fibra dos vagões precisa ser restaurada, não há como fazer isso sem descaracterizar a pintura, que, infelizmente, não pode ser preservada por mais tempo em função da manutenção”.

Ainda que a arte dos grafiteiros paulistas não possa ser resgatada, quem sabe os protestos possam servir para que novos projetos, dessa vez com artistas locais, levem um pouco de arte e cor aos sofridos vagões.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved