Maior evento de degustação de cervejas no Estado mostra força das marcas locais

Publicado em 24 de Agosto de 2018

Em 2012, quando o Palato lançou seu Primeiro Encontro de Cervejeiros, as poucas cervejas de qualidade disponíveis no mercado alagoano se restringiam aos rótulos clássicos importados (quando eram mais acessíveis com o dólar pouco acima de R$ 2), ou das pouquíssimas produtoras artesanais do Sul e Sudeste do país.

Sete anos depois, não seria exagero afirmar que o mercado de cervejas artesanais no Nordeste e em Alagoas passou por uma revolução.

Prova disso é que, neste sábado, o 7º Encontro de Cervejeiros do Palato apresentará nada menos do que 30 tipos de cerveja produzidos no Estado por marcas já consolidadas como Deodora, Caatinga Rocks, Hop Bros, Mingula, Arabeer, Club66, DasLagoas, além de bebidas produzidas por seis produtores independentes vinculados à Associação dos Cervejeiros Artesanais de Alagoas, a Acerva.

“A evolução em diversidade e qualidade dos produtores locais nestes sete anos foi tão impressionante que decidimos redirecionar o foco do evento para apresentar o melhor da produção local”, diz Charles Rozenbaum, gerente comercial do Palato. “Apesar de contarmos com rótulos de qualidade de outras regiões, o encontro revela que o reconhecimento em premiações nacionais de muitas marcas locais não tem sido por acaso”.

Apesar do foco na produção artesanal local, o evento terá rótulos de cervejas com marcas consagradas de outras regiões como da Wäls Brewery, de Minas Gerais, da Colorado, de Ribeirão Preto e da belga Hoegaarden (adquiridas pela gigante Inbev), da Baden Baden, de Campos do Jordão, da Eisenbahn, de Blumenau, e da alemã Erdinger (adquiridas pela Brasil Kirin, que controla a Heineken), da alemã Weltenburger Kloster e da Black Princess, produzida em Teresópolis (do grupo Petrópolis).

“Mais do que uma grande vitrine para os produtores locais, o evento do Palato ajudou a fomentar uma cultura cervejeira no Estado que tornou o consumidor alagoano cada vez mais exigente”, diz Rodrigo Inojosa, sócio da marca alagoana Hop Bros. “E essa exigência terminou sendo essencial para que a produção local atingisse o padrão de hoje, que nada fica a dever a rótulos nacionais e importados”.

Mais informações no site do Palato aqui.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved