Grupo alagoano investe R$ 100 milhões em expansão de lojas no Rio Grande do Norte e no Ceará

Publicado em 01 de Agosto de 2018

Primeiro, veio a expansão local de Maceió a Arapiraca. Em seguida, o grupo entrou na Paraíba com lojas em João Pessoa, Campina Grande e Cabedelo. Invadiu o Ceará, via Juazeiro do Norte, e acaba de inaugurar sua primeira loja no Rio Grande do Norte, na Grande Natal (em São Gonçalo do Amarante), com abertura da primeira loja em Fortaleza ainda em outubro deste ano.   

E assim, sem muito barulho, a rede alagoana Carajás Home Center investiu somente nas lojas na Grande Natal e Fortaleza cerca de R$ 100 milhões para manter seu ritmo de expansão e consolidar sua posição como uma das líderes no Norte-Nordeste no setor de construção civil. Segundo o ranking da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), o grupo alagoano já é a 10ª maior marca do setor no Brasil e a segunda maior na região, atrás apenas do grupo pernambucano Ferreira Costa, com mais de cem anos de atuação.

Nascido em 1973, quando Álvaro Mendonça Alves fundou a Macrel, dedicada ao comércio de madeira serrada e manufaturada (seguida pela Madeireira Betânia, a Casa do Marceneiro e a Madeireira Carajás), o grupo hoje integra a Carajás Home Center, a Transportadora Carajás e a Fortune, empresa com foco na comercialização de madeira reflorestada.

Como o grupo ainda não abriu lojas em Pernambuco e na Bahia, Estados mais ricos e com mercados mais acirrados na região, a expansão do grupo no Nordeste parece seguir, ao menos até agora, uma estratégia cautelosa – ou, como se costuma falar no interior, a de “comer o pirão pela borda”.

“A abertura de qualquer loja da rede é realizada com base em estudos prévios do mercado local para garantir a rentabilidade da loja, e não simplesmente para estarmos na vitrine de uma grande cidade”, diz Alex Mendonça, diretor de marketing e comercial da rede. “Com base nesses estudos, não deixamos de avaliar oportunidades de expansão na Bahia, Pernambuco, assim como dentro de Maceió”.

Na capital alagoana, o grupo mantém seu plano de abrir, entre 2019 e 2020, sua nova loja no Litoral Norte de Alagoas, a poucos minutos do Parque Shopping. “Após a finalização das obras de duplicação da rodovia, que deve ficar pronta em breve, o grupo deve retomar o cronograma para abertura da nova loja no Estado, com geração de mais de 500 empregos diretos”, diz o diretor comercial. 



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved