Centro de Convenções ganha ar-condicionado até novembro

Publicado em 06 de Janeiro de 2014

Desde a sua inauguração, em 2005, o Centro de Convenções de Maceió enfrenta um problema básico que todo alagoano sente na pele - e que dificulta a captação de grandes eventos para a capital: a falta de um sistema de refrigeração.

Felizmente, tudo indica que até o final deste ano o clima mude por lá.

De acordo com a Secretaria de Turismo, as obras para a implantação do novo sistema de climatização foram iniciadas no dia 15 de dezembro e a previsão é de que em novembro deste ano os visitantes possam frequentá-lo sem “suar a camisa”.

“Pelo contrato, a refigeração deve ficar pronta em 12 meses. A reforma é complexa, e vai desde a instalação de uma casa de máquinas a obras elétricas”, diz Raquel.

Ainda segundo ela, a falta de climatização tornava Alagoas menos competitiva para o turismo de eventos, já que a maioria dos centros de convenções de outros Estados já foram construídos com ar-condicionado. “Com a climatização, ficará mais fácil atrair novos eventos que ajudem a impulsionar o turismo de eventos e negócios durante todo o ano”, acrescenta.

Além da refrigeração, a reforma do Centro de Convenções inclui a construção de quatro novas salas com capacidade total para 1.200 pessoas localizadas no foyer, próximo ao teatro Gustavo Leite.

As obras de climatização e da construção das novas salas foram orçadas em R$ 15 milhões e são conduzidas pela construtora Miramar e pela Arclima, vencedoras da licitação lançada no final do ano passado.


Mais lidas

 

  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved