Alagoano é primeiro latino-americano a vencer prêmio internacional de tecnologia na educação

Publicado em 18 de Jun de 2019

O professor do Instituto de Computação da Ufal, Ig Ibert Bittencourt, foi indicado nesta semana como vencedor do prêmio “Early Career Researcher Award In Learning Technologies” (em tradução livre, prêmio de tecnologias de aprendizado para pesquisadores em início de carreira) da IEEE, maior organização profissional e científica do mundo na área de Engenharia e da Computação.

O alagoano de 37 anos é o primeiro pesquisador do Brasil e da América Latina a receber o prêmio que, desde 2013, é entregue a cientistas que se destacam internacionalmente por suas pesquisas no campo de tecnologias para Educação.

Em Alagoas, o pesquisador já era conhecido pelo desenvolvimento de plataformas como a "Meu Tutor", que usa Inteligência Artificial para desenvolver estratégias de aprendizado de alunos com base em algoritmos que detectam as principais lacunas de aprendizado e propõe novas formas de aprendizado, incluindo por meio do uso de jogos.

“Estou muito feliz com esse reconhecimento fruto de uma pesquisa desenvolvida e financiada com apoio de instituições locais como a Fapeal”, diz o pesquisador. “Espero que a visibilidade do prêmio nos ajude agora a trazer mais recursos nacionais e internacionais para programas de Educação no Estado”.

Além da visibilidade e prestígio internacional do pesquisador alagoano e da própria Ufal (que entra no mapa das pesquisas mais avançadas na área), o prêmio garante ao pesquisador convites para palestras internacionais na  IEEE nos próximos cinco anos.

Saiba mais sobre a premiação e premiados nas edições passadas no site do IEEE aqui.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved